Amostragem de Matérias-Primas Cerâmicas

Amostragem de Matérias-Primas Cerâmicas

O que é amostragem? É o processo ou técnica de escolha de amostras adequadas para análise de um todo. Para explicar melhor, trazemos alguns exemplos de amostragem:

  • Pesquisa Eleitoral é um exemplo de amostragem, pois não se entrevista todos os eleitores votantes. 
  • Retirar sangue para exames é outro exemplo, pois não se tira todo o sangue para o exame. 

Como conseguir uma boa amostragem

A amostragem é a etapa inicial no estudo tecnológico de matérias-primas cerâmicas. Uma amostragem sem critérios técnicos compromete as demais etapas. Testes com amostras não representativas irão induzir a erros, que muitas vezes colocam todo o processo produtivo de uma cerâmica em risco, com perda de qualidade e produto. Confira os passos para uma amostragem representativa:

1- Percorrer toda a extensão do lote, a fim de garantir que não haja contaminantes, como raízes, óleo e pedras.

Os contaminantes são um problema sério para a qualidade do material e deve ser retirado do lote quando acontecer esta incoerência.

2- Fazer a cubagem para descobrir quantas toneladas tem o lote. 

Exemplo: um lote de argila em formato de rampa.

Cálculo para cubar o lote:

Média largura: 30+20 dividido por 2 = 25 metros
Média Comprimento: 50+40 dividido por 2 = 45 metros
Média Altura: 6+0 dividido por 2 = 3 metros

Cálculo: Comprimento x largura x Altura
Cálculo: 45 x 25 x 3
O lote tem 3.375 m3

Importante! Para fazer a cubagem temos que levar em consideração a densidade do material. Nos lotes de argilas a densidade geralmente fica em torno de 1,6 g/cm3.

Ex: Em uma caixa d’água de 1000 litros cabem 1000 kg de água, porque a densidade da água é 1 g/cm3.

Como a densidade do lote de argila é 1,6 g/cm3 devemos multiplicar o volume do lote pela densidade do material. O lote tem um volume de 3.375 m3 multiplicado pela densidade, temos: 5400 toneladas.

3- Como definir os pontos de coletas no lote 

Para matéria-prima bruta, deve-se coletar uma amostra a cada 500 toneladas. No exemplo citado acima, o lote com 5400 toneladas deve-se coletar 11 amostras. Os furos devem estar distribuídos por toda a extensão do lote.

Croqui com distribuição dos furos no lote:

4- Amostragem 

A Amostragem em lotes de argilas plásticas é realizada com trado de rosca.Já as de materiais não plásticos, são realizada com trado de copo, devido o material não ser plástico ele não fica aderido as rocas do trado. 

Os furos devem ser realizados em toda a extensão da altura do lote onde se está realizando o Furo. As Amostras devem ser colocadas em uma embalagem e identificadas, com o nome do material, número do lote, furo, toneladas e data.

Amostragem de lotes de Feldspatos

Os lotes Feldspatos podem ser amostrados conforme exemplo anterior, com o trado de copo, ou devido a altura do lote e dificuldade de furar, o lote pode ser amostrado com uma máquina Escavadeira. 

A amostragem segue a mesma linha do trado, se faz um furo de cima para baixo, na totalidade da metragem. Neste caso a diferença é a quantidade de amostra que a máquina retira, onde preciso grande homogeneização da amostra para representatividade do volume coletado pela máquina.

Máquina escavadeira fazendo um furo, após atingir a totalidade da metragem, deve-se raspar a parede a fim de coletar toda a extensão do furo, é o mesmo segmento de trabalho do trado.

Da mesma forma quando for coletar amostra de uma frente de extração, se raspa a bancada, homogeniza e coleta a amostra.

As amostras extraídas da raspagem da bancada, o material deve ser homogeneizado com a máquina para depois se fazer a coleta.

Pesquisa realizada com escavadeira, em uma área de feldspato.

Amostragem de lote realizada com escavadeira, segue a mesma linha da coleta da pesquisa anterior.

Amostragem de área de Feldspato Rocha Dura

Em áreas de Rocha Dura normalmente se usa roc drill, equipamento usado para fazer os furos onde vão os explosivos para detonação, porém podemos utilizar este equipamento para coletar amostras.

Importante! Seja qual for o material a ser amostrado, deve-se observar:

1- Deve-se observar a cubagem do lote;

2 – A presença de possíveis contaminantes;

3- Definir quantos furos serão efetuados e distribuí-los pelo lote;

4- Coletar amostra na totalidade da profundidade no local do furo;

5- Estar atento e identificar corretamente as amostras na embalagem.

Deixar um comentário

Open chat
Olá, podemos ajudar?